São Paulo, 21 de novembro de 2012 - A Paranapanema, empresa que atua no segmento de não-ferrosos e na cadeia de metalurgia de cobre, deverá voltar a registrar lucro no quarto trimestre deste ano, passado os efeitos da parada de manutenção e expansão da capacidade de produção da unidade Dias DÁvila, e das provisões realizadas no terceiro trimestre, afirmou Luiz Antonio Ferraz
 
Júnior, presidente da empresa em entrevista à Agência CMA.
 
"Vejo o quarto trimestre com bons olhos, com certeza já teremos um resultado positivo", disse Ferraz. "Duas coisas impactaram o prejuízo do terceiro trimestre, tivemos a parada da operação por 74 dias, fica difícil fazer resultado sem produção e ainda as provisões de R$ 175,9 milhões", explicou o presidente da companhia. A Paranapanemareverteu lucro líquido de R$ 6,297 milhões no terceiro trimestre do ano passado para um prejuízo de R$ 177 milhões no mesmo período deste ano.
 
Para 2013, as perspectivas são ainda mais favoráveis, principalmente devido ao fim dos incentivos fiscais praticados por alguns portos para itens importados, que tem mantido os preços domésticos de cobrepressionados. "O setor como todo está apreensivo em função das mudanças já em 1 de janeiro.
 
Os preços de cobre estão descontados em 5% com a guerra dos portos e essa diferença será zerada e nos ajudará a recompor as margens", ressaltou o presidente da Paranapanema.
 
Source: Agência Leia - BR

2014 © PARANAPANEMA . Todos os direitos reservados